A transformação da paisagem do Rio de Janeiro (1580-2002)

“Em realidade, a paisagem compreende dois elementos:

  1. Os objetos naturais, que não são obra do homem nem jamais foram tocados por ele.
  2. Os objetos sociais, testemunhas do trabalho humano do passado, como no presente.

A paisagem não tem nada de fixo, de imóvel. Cada vez que a sociedade passa por um processo de mudança, a economia, as relações sociais e políticas também mudam, em ritmos e intensidades variados. A mesma coisa acontece em relação ao espaço e a paisagem que se transforma para se adaptar às novas necessidades da sociedade”. (SANTOS, 1982, p. 37)

Um trabalho interessantíssimo de análise da evolução histórica da paisagem do Rio de Janeiro foi feito pela Prefeitura do Município e disponibilizada no Portal Geo. Trata-se de simulações da paisagem ao longo da história, mostrando as transformações ao longo do tempo. Pra dizer o mínimo, é impressionante observar as modificações, partindo de uma paisagem rural, até uma paisagem intensamente urbanizada como é atualmente.

1580

1620

1750

1790

1840

1870

1910

1988

2002

Especialmente notável é o “salto” que é dado entre 1910 e 1988. São apenas 78 anos que fazem uma diferença tão ou mais significativa quanto os 160 anos anteriores! A verticalização é um fator que mudou radicalmente a paisagem, e mudou também a hierarquia dos elementos que compunham a paisagem: a igreja, antes em posição de destaque, passou a ficar “intimidada” entre os prédios em altura. O viaduto também não ajudou nem um pouco nesse processo.

Interessante também notar que, entre 1988 e 2002, houve uma tentativa de resgate da ambiência mais antiga, expressa pela retirada de vias destinadas aos veículos e recuperação desses espaços para os pedestres. O pdf disponível no site explica que o trânsito de veículos foi passado para debaixo da terra. O viaduto, entretanto, continua ali, impávido.

Referência bibliográfica

SANTOS, Milton. Pensando o espaço do homem. São Paulo: Hucitec, 1982.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 4.2/5 (31 votes cast)
A transformação da paisagem do Rio de Janeiro (1580-2002), 4.2 out of 5 based on 31 ratings

61 Comments

  • João Paulo disse:

    O texto e as imagens evidenciam a dinâmica da paisagem geográfica. Muito interessante, imagens lindas.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +2 (from 4 votes)
  • Rafael disse:

    Boa tarde! Renato saboya

    texto ajudou no meu enriquecimento sobre o assunto dado na escola.

    Rafael

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +3 (from 3 votes)
  • Arthur Vinicius Miranda Jahel disse:

    Eu aprendi que as coisas naturais é aquilo que o homem não pode contribuir,pois é da natureza,e que as coisas sociais é tudo aquilo que o homem faz.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +2 (from 2 votes)
  • Ivan Oliveira disse:

    Eu achei interessante que a água sumiu das imagens ao passar dos anos. Isso significa que o nível de água abaixou? Também o fato da Igreja, que antes predominava as paisagens, agora quase nem se vê. Isso também demonstra a mudança cultural da cidade, conforme o que aprendi em sala de aula.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: -1 (from 1 vote)
  • myckaell disse:

    é que o mundo e voluio muito dorante os tenpos do rio de janeiro

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • mauricio disse:

    é gue as imagens ficaram cada ves melhor ao passar do tenpo

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • Deivison disse:

    como era antigo era muinto BUnio

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +1 (from 1 vote)
  • Diandra disse:

    Realmente muito legal, principalmente as ilustrações.
    O site/blog também é muito interessante e completo, as informações que são disponibilizadas ajudam bastante a entender melhor “urbanidades”.

    Obrigada e espero que o blog continue assim!

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • vanessa disse:

    Porque a agua sumiu?

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)

Deixe uma resposta

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *